<!-- --><style type="text/css">@import url(https://www.blogger.com/static/v1/v-css/navbar/3334278262-classic.css); div.b-mobile {display:none;} </style> </head> <body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d1867916339035014159\x26blogName\x3d+whatever+\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://amagiadospensamentos.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://amagiadospensamentos.blogspot.com/\x26vt\x3d-9000212241735771669', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

whatever will be, will be.
whatever you do in life be insignificant, but it’s very important that you do it, because nobody else will.

home about me wishlist recomendo




a ler:
"Segue o Coração
Não olhes para trás."
Lesley Pearse.
Image and video hosting by TinyPic

domingo // 22:56

hoje caminhei pela praia inteira, com os pés na areia e com o coração em alto mar. caminhei por todo o areal. reflecti em tudo aquilo que as circunstâncias da vida nos fizeram passar. a verdade é que só assim consigo tomar as decisões mais acertadas. sempre foi, sempre será. talvez por isso é que amo o oceano como me amo a mim. decidi então pegar numa das pedras, que estavam por entre as rochas e escrevi "quero ficar contigo para sempre" e de seguida lancei-a ao mar. desapareceu entre as ondas, que rebentavam com a mesma brutidade com que a lancei. as restantes outras deixei-as por ali, alguém que precisará irá as encontrar e pedir um desejo, lança-las ao mar, e esperar que ele se concretize. bem que as poderia usar todas, mas tendo-te a ti não preciso de mais nada. não sei para onde o tempo leva os desejos, se eles vão na direcção do mar, para alcançar o teu pensamento e guardar no teu coração, são frágeis e opacos, leves e brancos, feitos de ideias, de esperança e de muitas cores, sem planos nem projectos, puros e quase perfeitos, se um dia se transformar em qualquer outra coisa será em nós, serão quase tão perfeitos como nós juntos ♥

In the end, if we could go back in time, we would never learn to move on.

Etiquetas: , , , ,


clica aqui para comentares.